Back To Top

Go beyond - Plus Ultra?



Meu povo, como estão? Gostaram da continuação da postagem de outubro? Então estamos aqui finalizando mais um mês e nesse meio tempo, eu voltei pro hospital da minha faculdade, continuo trabalhando como uma condenada mas eu passei no semestre do alemão, mesmo faltando metade das aula! Urraay!!  Além disso, minhas amigas residentes do HUGG resolveram entrar no crossfit e adivinha quem foi junto? Eu! Confesso que sou café com leite total e não sustento nem a barra imagina ela com os pesos rsrsrs... Mas to sobrevivendo! Na primeira semana fiquei que não aguentava sentar mas agora to lidando melhor com isso. A única coisa ruim é que acabei abandonando as aulas de corrida, mas não tenho como administrar tudo. Eu já to esgotada pelo ritmo de trabalho e se eu continuar assim aí vou ter que parar tudo. Anyway, eu também to tentando ver se ponho minha vida financeira em ordem. Eu sou bem consumista e agora que meus pais não me sustentam mais eu vi o quanto isso pode ser um problema. Baixei uma planilha pra ver se me controlo um pouco mais, mas to considerando procurar até um terapeuta pra ver se eu diminuo essas compras principalmente on-line. Veremos no próximo post como vai ser!



Esta postagem faz parte da Blogagem Coletiva do Together, um projeto para unir a blogosfera! Para saber mais, clique aqui

Então esse mês o tema é Trabalho! Sim o meu assunto principal da vida. Bom vou começar esse post dizendo que vou explicar como funciona a vida na minha especialidade e também desabafando um pouco. Quem tiver gatilho com descrições de procedimentos e órgãos do corpo humano sugiro pular o post. Não quero traumatizar ninguém, ja basta ter matado todo mundo no post de Halloween revival!


Começando pelo início. Bom eu tenho 26 anos e sou formada em medicina há 3. Eu escolhi como especialidade a Patológica. Patologia clínica? Não, Anatomia Patológica. Mas que diabos é isso? Vocês e todo mundo que não é da área perguntam. Explicando de maneira simples e direta, eu sou a pessoa que da os laudos de biópsia. Ou seja qualquer coisa que eles tirem de dentro de você vai parar na minha mão, para ser analisada e verificar se existe alguma doença inflamatória, infecciosa ou até mesmo neoplasia (eh o termo bonito pra câncer). Dito isto, o que é um dia na vida da MC? Bom os patologistas tem algumas tarefas principais. A macroscopia - que é nada mais, nada menos que receber os pedacinhos tirados nas biópsias ou os órgãos retirados nas cirurgias, descrever, pesar, medir, ver se tem alguma lesão visível e depois... Cortar! Sim nós cortamos os órgãos ou biópssias em pedaços pequenos e colocamos em caixinhas chamadas cassetes. Estes, vão para os profissionais técnicos que vão parafinar, corar as amostras e transforma-las em lâminas para microscópio. E ai vem a segunda parte do meu trabalho, olhar a lâmina. A microscopia é óptica mesmo e lá avaliamos a presença ou não de doenças, classificamos e estadiamos para que os clínicos e cirurgiões deem o melhor tratamento possível para o paciente. Claro que no meio disso que falei da microscopia, temos vários procedimentos avançados para nos ajudar, mas ai não vou matar vocês de tédio falando de coloração especial e de imuno-histoquímica.


Agora que vocês tem uma noção do que eu faço, vou falar um pouco do mercado de trabalho. O número de patologistas no Brasil não é tão grande, mas isso não significa que somos bem pagos. Porém nossa remuneração é extremamente dependente da produção. E o meio exige que você seja pessoa jurídica, se não for emprego público dê adeus aos seus direitos trabalhistas. Essa é minha situação atual, por isso que ando morta. Quero tirar férias mas se eu não for trabalhar não recebo. Em termos de oferta de emprego esta é muito boa se você estiver disposto. Os concursos tem poucas vagas, mas tem Laboratorio em varios cantos do Brasil e se você tiver uma graninha até pode se aventurar em um lugar novo com seu próprio lab, os gastos são bem grandes mas se der certo prepare-se pra ganhar muuito bem. No Rio, onde moro, a remuneração é baixa se comparada à media nacional e os maiores salários estão em Minas e São Paulo. O maior número de vagas no nordeste. E eh esse o panorama da minha profissão atual! O patologista também é o médico que pode atuar com necropsia (sabe CSI? Isso ai só que pobre...). Espero ter agregado um conhecimento a todos e não ter traumatizado ninguém rsrsrs!


Bom pra finalizar esse post vou fazer uma recomendação nas vibes profissionais. ASSISTAM cells at work!! Gente é a melhor maneira de estudar imunologia da vida!! Eu to amando e fico mandando prints pro povo do meu trabalho hahahaha. Bem eh isso! Tschüss!

Nenhum comentário:

Postar um comentário